Guia de Tecnologia – Projetores

Cada vez mais avançados, os projetores partem de uma premissa básica de funcionamento e tecnologia: a manipulação um poderoso raio de luz com a finalidade de imprimir imagens em movimento sobre uma superfície. Simplificando, eles são equipamentos como qualquer tela de computador ou TV, mas com uma capacidade de manipulação luminosa muito mais potente na obtenção de imagens projetadas.

Projetor LG BX327 3D Guia de Tecnologia Projetores
Projetor BX327 3D – LG

E mesmo com estas definições básicas, as tecnologias utilizadas na fabricação de um equipamento destes são tão sofisticadas e complexas que suas capacidades precisam ser descritas com muito mais detalhes e categorias classificatórias para cada especificidade funcional.

Assim, em mais um artigo exclusivo da Jaguara.com.br, você vai poder conhecer melhor os tipos de lâmpadas, lentes e tecnologias de projeção utilizadas na produção destes equipamentos, tendo todo o conhecimento necessário para poder manusear um aparelho destes e também para fazer uma compra esclarecida, sem perigo de erros ou enganos na hora da escolha.


projeção Guia de Tecnologia Projetores

Tecnologias usadas pelos projetores:

Assim como praticamente todas as tecnologias utilizadas hoje em dia, as técnicas de projeção foram avançando com o tempo, agregando melhorias e trazendo muitas novidades a cada nova geração de aparelhos.

Entre as mais utilizadas atualmente, até mesmo as tecnologias que são um pouco mais antigas, mas que ainda estão no mercado por sua qualidade, temos 3 diferentes classificações dos sistemas de projeção utilizados:

>> CRT (Cathode Ray Tubes) – Tubos de Raio Catódico

>> LCD (Liquid Crystal Display) – Tela de Cristal Líquido

>> DLP (Digital Light Processing) – Processamento de Luz Digital


CRT (Cathode Ray Tubes) – Tubos de Raio Catódico

dwin hd700 Guia de Tecnologia Projetores

Um dos sistemas mais antigos ainda utilizados, os projetores CRT, apesar de obsoletos, são referência em qualidade de imagem por seu processamento modulado em cores RGB (Red – Vermelho / Green – Verde / Blue – Azul). Sendo extremamente caros e de uso restrito, normalmente compõem o circuito profissional de projeção, sendo utilizados por sua grande fidelidade e qualidade de reprodução.

Prós Vs. Contras

Prós: Até hoje os projetores CRT se enquadram entre os que melhor têm qualidade em imagem e cores, possibilitando projeções em grandes resoluções sobre praticamente qualquer tipo de superfície.

Contras: Apesar de serem inigualáveis em qualidade, os projetores CRT tem um preço altíssimo de produção e são mais difíceis de serem encontrados em lojas para consumidores domésticos. Para a melhor obtenção das imagens, é necessário um alto grau de conhecimento técnico na manipulação de ajustes finos, o que faz com que cada projeção necessite de um tempo de preparo e adequação para se viabilizar. Outro ponto contra é sua falta de mobilidade: alguns modelos chegam facilmente a pesar mais de 50Kg, tornando sua portabilidade um tanto quanto inviável em comparação aos projetores mais modernos.


LCD (Liquid Crystal Display) – Tela de Cristal Líquido

Projetor Epson S10+ Powerlite Guia de Tecnologia Projetores
Projetor Epson S10+ Powerlite

Compondo a maior parte dos equipamentos atuais, os projetores de LCD são os que apresentam o uso mais amigável ao consumidor final. Com preços acessíveis e uma diversa gama de modelos e funcionalidades disponíveis, os equipamentos que utilizam esta tecnologia funcionam de um modo semelhante aos monitores de LCD mais comuns: polarizam os feixes de luz RGB e os filtram por diferentes pixels luminosos organizados em diferentes painéis, que sobrepostos, reproduzem um único espectro de luz que resulta na projeção final.

Prós Vs. Contras

Prós: Preços acessíveis; extremamente portáteis (alguns já têm o tamanho perfeito para caber na palma da mão); potência e fidelidade perfeita para usuários domésticos; fácil instalação e integração com diferentes aparelhos e baixo consumo energético.

Contras: Baixa durabilidade das lâmpadas utilizadas como fonte luminosa; presença de ruídos visuais em projeções com resolução acima da recomendação dos fabricantes e possibilidade de queima dos pixels que compõe os painéis de composição do espectro luminoso.


DLP (Digital Light Processing) – Processamento de Luz Digital

Projetor Multimídia BX324 LG Guia de Tecnologia Projetores
Projetor Multimídia BX324 – LG

Uma das tecnologias mais novas no mercado e que vem ganhando mais espaço, a projeção via DLP utiliza uma série de reflexões espelhadas em microscópicas superfícies localizadas em um chip de processamento. Assim, com uma filtragem de cores feita pro um prisma ou um disco cromático, estes espelhos internos potencializam e filtram a imagem de acordo com a tela a ser projetada, resultando em uma imagem de alta qualidade em cores e nitidez.

Prós Vs. Contras

Prós: Resultados mais que surpreendentes na reprodução Full HD; maior fidelidade em variações de cores; fácil manutenção da fonte luminosa; maior adaptabilidade a diferentes tecnologias de processamento de imagem (como High Definition e 3D estereoscópico) e maior flexibilidade de modelos – clique aqui para ver o projetor que cabe na palma da mão!

Contras: Consomem um pouco mais de energia que os projetores de LCD e necessitam de maior ventilação para evitar superaquecimentos; em alguns modelos de baixo custo tecnológico, os espectros podem apresentar um efeito arco-íris devido à má qualidade de fabricação dos prismas ou dos discos cromáticos responsáveis pela filtragem de cores.


ANSI Lumens

lumen Guia de Tecnologia Projetores

Unidades de medida para quantificar a potência e qualidade da imagem obtida pelos projetores, os Lumens medidos pelo padrão ANSI (American National Standards Institue) servem para categorizar os diferentes níveis apresentados por diferentes aparelhos.

É importante observar os Lumens dos projetores para podermos ter uma noção de como faremos sua utilização. Projetores abaixo de 1.000 lumens, por exemplo, precisam de um ambiente bem escuro para ter um bom desempenho, enquanto os acima de 2.000 são capazes de desempenhar boas projeções em praticamente qualquer ambiente.

Para termos uma comparação das diferentes capacidades expressas de Lumens, a título de curiosidade, basta pensarmos em situações do dia-a-dia: uma vela comum gera entre 10 e 20 lumens, o Sol do meio dia por volta de 100.000 lumens e o crepúsculo do anoitecer por volta de 500 lumens. Interessante, não é mesmo?

Mesmo acima de 500 lumens, que já é o mínimo para se obter uma projeção de boa qualidade, também temos que observar o tamanho da tela a ser projetada.

Como referência, é comum que os fabricantes façam as seguintes recomendações:

Telas de até 72” >> mínimo de 750 Lumens

Telas de até 100” >> mínimo de 900 Lumens

Telas de até 120” >> mínimo de 1.100 Lumens

Telas de 150” e acima >> acima de 1.900 Lumens


Telas:

Tela 100 CSR Guia de Tecnologia Projetores
Tela 100″ – CSR

Tão importantes quanto um projetor na obtenção de bons resultados, as telas também estão no mercado sob os mais variados materiais, formas de operação e dimensões. Com um toque sutil de valorização das imagens projetadas, a diferença entre uma superfície comum e uma tela própria para projeções é gritante e, às vezes, pode até valer mais a pena investir em uma tela profissional e em um projetor um pouco menos potente que investir apenas em um projetor de qualidade inquestionável.

Tela Tensionada 100 CSR Guia de Tecnologia Projetores
Tela Tensionada 100″ – CSR

O tamanho da tela a ser obtida deve sempre seguir a distância de uso do projetor. Quanto maior a distância entre a fonte de projeção e a superfície de reflexão, maior deve ser a tela, já que ela deve coincidir com a resolução final da imagem.

O formato da tela dependerá de sua aplicação. Para filmes e exibições multimídia, a aquisição de uma tela com a proporção 16:9 ou 16:10 é recomendada, já que a maior parte das mídias atuais segue este formato de reprodução. As de proporção 4:3 são muito mais úteis na exibição de slides e apresentações informativas, já que são mais propícias para melhor disposição de tópicos e pontuações em formato vertical.


Suportes para projetores:

Suporte SPM4 CSR Guia de Tecnologia Projetores
Suporte SPM4 – CSR

Para melhor aproveitamento na instalação de um projetor, é aconselhável que um suporte seja utilizado para melhor controle da distância e angulação do aparelho. Em muitos casos, a instalação pode ser feita em um pedestal ou no teto, constituindo um ponto fixo perfeito para a obtenção de um melhor resultado.

Suporte Universal SBRP757 Brasforma Guia de Tecnologia Projetores
Suporte Universal SBRP757 – Brasforma

Os modelos podem variar em formato e capacidade de sustentação, mas na hora da escolha, o maior diferencial é o tipo de encaixe ou acoplamento, que podem incidir diretamente na facilidade de manuseio e na manutenção dos aparelhos.


E o som…?

Caixas de Som 5.1 SP 590BS C3 Tech Guia de Tecnologia Projetores
Caixas de Som 5.1 SP-590BS – C3 Tech

Os projetores já se popularizaram também no uso doméstico. E na hora de fazer o cinema em casa, é indispensável ter um sistema de som de qualidade. Por isso, para fazer jus à qualidade de uma projeção digna de um cinema, pense também nos equipamentos de áudio que podem deixar suas experiências mais vívidas e ricas, investindo também em conjuntos adequados à valorização de seu ambiente.

 

Também não deixe de conferir na Jaguara.com.br:

Projetores em até 12x S/ Juros

Muito mais em Telas de Projeção

Suportes para todos os tipos de Projetores

Áudio e Sistemas Profissionais de Som



3 Comentários. Deixe o seu também!

  1. Ana Paula. 26 de outubro de 2012 às 7:51 - Responder

    Gostei das explicações.Parabéns!

  2. Emerson 17 de agosto de 2013 às 9:21 - Responder

    Valeu muito o artigo acima, pois pretendo comprar um projetor para uso domestico ( filmes ) e estava completamente alheio a tais informações.
    Ainda resta uma duvida quanto a escolha, pois verifiquei um projetor que tem 3.200 lumens e resolução de 1.024 x 768 e outro com 2.600 lumens e resolução de 1.280 x 800. Minha dúvida é por qual optar, por um com maior lumens e menor resolução ou o contrário??

    Aguardo se possivel suas orientações…
    Ficaria muito agradecido se solucionassem minhas duvidas através de meu e-mail ( comercial@granjareal.com.br )

    Sds.

    Emerson Sanches

  3. Glaucia Medeiros 5 de novembro de 2013 às 17:41 - Responder

    Excelente! Ajudou muito obrigada! Mas gostaria de saber, para projetar uma imagem com 6 metros de largura em uma parede, quanto lumens preciso para ter uma boa qualidade? Glaucia

Deixe seu comentário